Share

A Maior Medalha de Maratona do Mundo – por José Eduardo

Saiba mais sobre a maratona americana que é famosa pelas dimensões e peso da medalha

Que os Estados Unidos são o país das maratonas, não restam dúvidas. Anualmente são realizadas mais de mil provas de 42,2 km, segundo o site Running USA’s. Desde grandes eventos, como as clássicas Nova York, Chicago e Boston, com dezenas de milhares de participantes, às pequenas e regionais, há para todos os gostos. Nesse cenário, como fazer uma maratona que consiga se destacar, dentre tantas opções? Em Little Rock, capital do estado de Arkansas, a saída encontrada foi inovar no prêmio que todos recebem ao cruzar a linha de chegada – a medalha de finisher. A organização simplesmente resolveu criar a maior medalha de maratona do mundo, com mais de 20 centímetros e pesando mais de um quilo! A iniciativa deu tão certo que o objeto se tornou cobiçado entre os corredores. Todos os anos é criada uma grande expectativa para que a organização revele o layout da medalha da próxima edição, que costuma agradar os participantes.

 

2014 Little Rock Marathon/BENJAMIN KRAIN

A Maratona de Little Rock 2018 será no dia 4 de março, com a 16a edição (na foto acima, a edição de 2014). Embora não esteja entre as maiores provas dos Estados Unidos (em 2017 foram cerca de 6 mil participantes), muitos atletas cruzam o país para correr na cidade, a maioria atrás da medalha que chama a atenção na coleção, pela beleza e, principalmente, pelo tamanho.

O percurso é duro, com algumas subidas, principalmente na segunda metade. A temperatura costuma ser baixa, variando entre 5 e 10 graus, e às vezes em condições extremas. Em 2014 a organização teve que alterar o trajeto dos corredores durante a prova, devido às baixas temperaturas, pois chegou a nevar. A participação da família é estimulada, inclusive para os caminhantes, pois o tempo limite de conclusão é de 8 horas.

Há várias opções de distância, divididas nos dois dias do evento. No sábado ocorrem as provas de 5 e 10 km. No domingo é a vez dos 21 e 42 km. Para quem resolve encarar qualquer uma das distâncias em ambos os dias, há a opção de se inscrever para o desafio, recebendo assim uma terceira medalha. Porém, apenas a da maratona possui o tamanho diferenciado.

Para 2018, o tema será medieval e as medalhas já foram reveladas, conforme foto abaixo, com a da maratona no centro. Detalhe: as demais são de tamanho convencional!

25552198_1796379257070773_1267085515954685352_n-01

 

Fato marcante na história americana

Com cerca de 200 mil habitantes, a cidade não possui grande apelo turístico, portanto não espere muitas opções de passeios. Porém há um local que vale a visita: o Little Rock Central High School. Ele representa o episódio mais marcante da região, que ficou conhecido como “Os Nove de Little Rock”. Em 1957, nove estudantes negros tiveram que ser escoltados por militares para poderem frequentar a escola, até então exclusiva para brancos. Apoiado pela maioria da população local, o governador do Arkansas na época, Orval Faubus, resolveu ir contra uma sentença da corte suprema, onde todas as escolas do país deveriam eliminar as restrições raciais. Fato que fez com que o então presidente, Dwight Eisenhower, enviasse tropas para garantir o cumprimento da determinação.

 

Ficou interessado em participar? Apenas não se esqueça de reforçar seu porta medalhas…

 

Para saber mais:

Maratona de Little Rock: http://littlerockmarathon.com/

créditos fotos: divulgação/organização – Little Rock Marathon / BENJAMIN KRAIN

 

José Eduardo Motta Garcia atua na área financeira, é mestre em administração de empresas e maníaco por maratonas. Sempre que pode, procura aliar as duas atividades que mais gosta: viajar e correr. Acompanhe o José Eduardo nas redes sociais: INSTAGRAM FACEBOOK 

 
 
 

logo_fisio