corredores correndo na ponte com tênis de corrida começar a correr

Neste início de semana, me deparei com uma imagem que dizia que todos os corredores já foram iniciantes. É tão óbvio e parece que muitos se esquecem disso com o tempo. Começar a correr é difícil. Por mais que pareça ao contrário, correr não é tão fácil assim. Pode ser prazeroso, mas se está fácil para você é porque está na hora de evoluir um pouco. Na corrida, como na vida, com o tempo, vamos melhorando nossas marcas, aprendendo a ouvir nosso corpo, vamos conhecendo nossos limites e tentando superá-los. Penso que correr é um eterno aprendizado, assim como viver.

Não sei se é utopia, mas acredito em um mundo com pessoas melhores, mais sensatas, mais tolerantes, mais generosas e confesso que todas as vezes que ouço alguém dizer que é corredor, já imagino a pessoa com todas essas qualidades. Pois é, sempre pensei que se a pessoa corre, ela é legal. Mas no mundo real as coisas não são bem assim.

Recebo muitas mensagens de pessoas dizendo que estão desanimadas porque receberam algum tipo de crítica de corredores mais experientes, gente que se acha mais corredor que os outros só porque consegue ter um tempo X ou Y, porque corre longas distâncias ou mesmo porque corre há muitos anos. Eu também já sofri esse tipo de preconceito.

Eu corro para ser feliz! Eu corro porque me sinto bem fazendo isso, porque desafio o meu corpo e a minha mente.

Já ouvi infinitas vezes que eu deveria parar de me dedicar a Meias Maratonas porque sou muito lenta e meu corpo sofre muito com esse tipo de prova, já ouvi piadinhas de todo tipo sobre meus melhores tempos em provas e até piadinhas sobre o meu corpo não condizer com o que se espera de uma corredora. Confesso que, algumas vezes, esses comentários me desanimaram e me fizeram ter vontade de desistir, mas em algumas outras vezes, foram exatamente esse tipo de comentário que me fizeram ter vontade de me dedicar mais e provar que eu sou capaz.

Eu não corro para ser rápida ou para ser magra ou mesmo para ser durona. Eu corro para ser feliz! Eu corro porque me sinto bem fazendo isso, porque desafio o meu corpo e a minha mente, porque me ajuda a ser mais equilibrada, porque eu não aceito um não que poderia ser sim. Eu realmente não tenho um corpo típico de corredora, mas isso não me importa. O que importa é que depois de anos sendo proibida de praticar os esportes que eu amava, hoje eu posso correr!

Incentive quem quer começar a correr

Fico extremamente feliz quando um corredor iniciante me procura para tirar dúvidas e eu posso ajudar. Me sinto honrada. Luto pelo crescimento do esporte, pelo seu reconhecimento e sei que quanto mais atletas tivermos, mais fortalecido será o nosso esporte. Vibro pelas conquistas dos amigos corredores e sempre que posso tento incentivá-los a ir em frente. Sempre que vejo alguém cheio de dúvidas, mas se esforçando, lembro daquela garota gordinha e sem jeito que se atreveu a correr um dia e encontrou um amor pela corrida maior do que tudo.

Quero um mundo cheio de pessoas de bem, mas quero também um mundo com corredores melhores não só no que diz respeito a tempos ou distâncias. Quero corredores melhores em lidar com pessoas, com desafios, com fracassos, com vitórias. Que possamos ser a cada dia melhores como atletas e como pessoas! Que possamos ser exemplo não só de atletas, mas de comportamento, de humildade, de superação, de solidariedade.

Ajude um corredor iniciante. Seja legal. Sorria! Se nós não nos respeitarmos, nunca seremos respeitados da forma que queremos. Pense nisso! Respeito é bom e todo mundo gosta! Deixe a marra de lado e ajude um corredor!

Bora correr?